Game Changers: Review

Game Changers: Review

Começo este artigo com dois factos sobre mim: não tenho paciência para cozinhar (quando tem de ser até me safo bem) mas adoro comer. Sempre tive uma alimentação equilibrada, no entanto nos últimos tempos a preguiça aliada a plataformas de entrega de comida não tem feito uma boa equipa no que toca a escolhas saudáveis. Principalmente desde que regressámos de Bali que tenho comido mesmo muita “porcaria”… Tudo isto tem contribuído para um pensamento: quero mudar o meu estilo de vida alimentar.

I start this article with two facts about myself: I am not very fond of cooking (although when I cook I do it well) but I love to eat. I have always had a balanced diet, but lately laziness coupled with food delivery platforms has not made a good team when it comes to healthy choices. Especially since we came back from Bali I have actually eaten a lot of crap … This has all contributed to one thought: I want to change my food lifestyle.

Não quero com isto dizer que vou adotar uma dieta paleo, vegan, vegetariana ou outras que tais. Acredito numa alimentação equilibrada, mas sem dúvida que há coisas que quero mudar, tanto pela minha saúde como pelas questões ambientais que estão associadas. Mas a verdade é que esta mudança não me é fácil. Primeiro porque eu não sou fã de cozinha e como tal não me é tão apelativo ir à procura de receitas, novos ingredientes, etc etc. Segundo porque me é difícil orientar no meio de tanta informação e filtrar o que é verdadeiro e o que pode não ser.

This is not to say that I am going to adopt a Paleo, Vegan, Vegetarian or other diet. I believe in a balanced diet, but undoubtedly there are things I want to change, both for my health and the environmental issues that are associated with it. But the truth is that this change is not easy for me. First because I am not a fan of cooking and as such it is not so appealing to me to look for recipes, new ingredients, etc. Second, because it is hard for me to orient myself through so much information and filter out what is true and what may not be.

Foi neste contexto que vi o Game Changers. Trata-se de um documentário da Netflix, produzido por James Cameron (Titanic, Avatar), Jackie Chan e Arnold Schwarzenegger, e que se foca no impacto de uma dieta à base de vegetais em alguns atletas de alta competição. Dado que pratiquei muito desporto durante vários anos, fiquei curiosa por saber que impacto teria este estilo de vida em atletas como estes. E sim, a mensagem que este documentário passa é que esta dieta traz mesmo muitos benefícios à saúde e à performance principalmente destes atletas.

It was in this context that I saw Game Changers. This is a Netflix documentary produced by James Cameron (Titanic, Avatar), Jackie Chan, and Arnold Schwarzenegger that focuses on the impact of a plant-based diet on some high-competition athletes. Since I’ve been doing a lot of sport for several years, I was curious to know what impact this lifestyle would have on athletes like these. And yes, the message this documentary gives is that this diet really has many health and performance benefits especially for these athletes.

Numa primeira impressão, gostei do documentário. Pareceu-me ser elucidativo, explica muitas coisas de forma simples e, algo que me agradou também foi o facto de incluirem as referências dos artigos científicos que vão mencionado ao longo do filme e que vão suportando os factos narrados. Mas! A verdade é que este documentário é uma autêntica propaganda a este tipo de dieta, mostrando apenas a versão bonita e positiva da mesma (ou não fossem os próprios produtores vegetarianos/veganos, um deles dono de uma empresa desse meio).

At first glance, I liked the documentary. It seemed to me to be very enlightening, it explains most things simply and, something that also pleased me was the fact that they included the references of the scientific articles that are mentioned throughout the film and which support the narrated facts. But! The truth is that this documentary is a true advertisement for this type of diet, showing only the pretty and positive version of it (or were not the vegetarian / vegan producers themselves, one of them owning such a company).

A nível de rigor científico, diga-se de passagem que se encontram algumas falhas óbvias (como por exemplo tirar conclusões de experiências com apenas três pessoas). Relativamente aos artigos científicos que vão mencionando ao longo do documentário não posso falar muito, a não ser que já li alguns artigos aqui pela internet que afirmavam que são algo duvidosos. Enfim, vale o que vale.

At the level of scientific rigor, by the way, there are some obvious flaws (such as drawing conclusions from experiments with only three people). Regarding the scientific articles that are mentioned throughout the documentary I can not say much, unless I have read some articles here on the Internet that said they are somewhat dubious. Anyway, it’s worth what it’s worth.

Eu sei que esta dieta traz bastantes benefícios, muitos deles mencionados no documentário, mas temos de saber ser críticos face ao mesmo. Não são mencionados os suplementos que muitos atletas têm de tomar porque a sua dieta não é suficiente, por exemplo. E os casos de anemias que muitas vezes surgem em pessoas que adotaram o vegetarianismo/veganismo. E provavelmente muitas outras coisas que eu também não tenho conhecimento.

I know this diet has a lot of benefits, many of them mentioned in the documentary, but we have to be critical about it. The supplements that many athletes have to take are not mentioned because their diet is not enough, for example. And the cases of anemia that often arise in people who have adopted vegetarianism / veganism. And probably many other things that I’m not aware of either.

No fim das contas, é um bom documentário para se ver com olhos críticos. Ver e saber que aquilo que mostram é uma propaganda à dieta à base de vegetais e que sim, traz muitos benefícios, mas que nem tudo o que contam é assim tão verdadeiro quanto isso. Sem dúvida que me fez repensar as minhas opções e tomar mais atenção a determinadas escolhas, mas, uma vez mais, não pretendo tornar-me vegetariana a tempo inteiro. Apenas a muito mais do que aquilo que sou agora 🙂

All in all, it’s a good documentary to look at with critical eyes. Seeing and knowing that what they show is a vegetable-based dietary ad and that it has many benefits, but not everything they count is as true as that. No doubt it has made me rethink my options and pay more attention to certain choices, but once again I do not intend to become a vegetarian full time. Only a lot more than I am right now 🙂

xoxo,

P.

 

P.S. Já subscreveste? Insere o teu e-mail e és notificado cada vez que temos novidades! Também estamos no instagram em @triodavidairada e no facebook.

P.S. Have you subscribed? Insert your email and you will be notified every time we have news! You can also follow us on Instagram @triodavidairada and on  facebook.



Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *